A importância de Rogue One para Battlefront

O novo filme, que chegará em dezembro, se passará no mesmo período que o jogo Star Wars Battlefront. O que isso pode trazer para o jogo da Electronic Arts?


Por Diego Corumba

Rogue One tem todos os elementos característicos de Battlefront. Bem que a DICE poderia aproveitar...
A DICE e a Electronic Arts confirmaram que em Star Wars Battlefront terá apenas conteúdo que faça parte da Trilogia Clássica. Na DLC Batalha de Jakku, temos um vislumbre do que se passa antes de O Despertar da Força, mas ainda assim é um evento que acontece um ano após o embate de Endor, se aproximando mais dos antigos filmes do que do atual. Com Rogue One: A Star Wars Story, a história pode ser diferente...
Vader pode dar as caras em Rogue One
O filme se situará entre A Vingança dos Sith e Uma Nova Esperança, porém, estará muito mais próximo do quarto filme do que do terceiro. Uma equipe da Aliança Rebelde se prepara para roubar o projeto da Estrela da Morte e vai se deparar com o Império em ascensão pronto para confronta-los. Há rumores sobre a presença de Darth Vader e Boba Fett no filme, que com o tempo somente aumenta.

A Disney limitou a DICE sobre o ponto de que só poderiam usar personagens, veículos, planetas e tudo que engloba o universo da trilogia original. Se Rogue One se passar nessa época, abrirá um leque de oportunidades gigantesco que ela poderia incrementar Battlefront. Já disseram, por exemplo, que incluirão novos personagens - até o momento não anunciado nada do gênero. Uma das expansões anunciadas para o Passe de Temporada envolve o período de setembro-outubro deste ano, com a chegada da Estrela da Morte. Rogue One chegará aos cinemas em dezembro. Se for parte daquele momento da história, seria interessante ver um conteúdo novo baseado no novo filme chegando ao game - por mais que as possibilidades sejam baixas.

Como prometeram conteúdo por dois anos, Battlefront ainda tem muito a mostrar e não seria ruim vermos novos personagens, veículos e planetas que serão mostrados em Rogue One no jogo. Esperamos por mais informações sobre o filme e, consequentemente, veremos como poderá se encaixar no multiplayer. Isso tiraria todas as frustrações de não termos Rey, Kylo Ren e tudo que envolve o Episódio VII.



Com um novo filme, linha de brinquedos e com todo o dinheiro arrecadado, a Disney talvez não perca a oportunidade de liberar esta história para fazer parte de Star Wars Battlefront e levar aos games elementos que serão bem fortes. O filme mostrará claramente o embate entre Rebeldes e o Império onde não temos sabres-de-luz e apenas as blasters - característica original da franquia do shooter. Naves, furtividade e uma guerra que eclodirá no combate que vimos no Episódio IV. É o que esperamos de Battlefront de qualquer modo.

Durante uma recente visita de investidores na DICE, um dos diretores, Blake Jorgensen, foi questionado de como Rogue poderia se encaixar em Battlefront. Ele respondeu apenas com “Ainda não sei exatamente como será a linha histórica de Rogue One, não posso comentar como poderíamos incluir no jogo”. Nos resta aguardar por mais informações e torcer para ver conteúdo novo se misturando com os clássicos que já somos apaixonados.

A comunidade não se mostra esperançosa, porém, a novidade seria bem-vinda entre os fãs da saga. O player Rodrigo Ribeiro comenta: "Acho que a EA está pouco se lixando". Roberto Luiz Royer, administrador do nosso grupo de Facebook, deu uma nova ideia baseada nessa franquia. "Podiam ter tentado ressuscitar os jogos do Rogue Squadron", disse. 
Compartilhar no Google Plus

0 comentários:

Tecnologia do Blogger.